Estamos na Rede!

#30 Os Afetos, Rodrigo Hasbún.

Hey turma, tudo beleza? O #desenrolandoolivro de hoje é um livro que me deixou com sentimentos confusos, assim como os sentimentos d...

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

#24 Promíscuo Ser de Partitura Finita, Cris Coelho

Promíscuo Ser de Partitura Finita, Cris Coelho


Hey turma, tudo beleza? O #desenrolandoolivro de hoje é um tanto intenso e peculiar.
Pense em um livro que te pega de surpresa, te surpreende e te envolve a ponto que te faz pensar por dias a fio sobre a vida daqueles personagens, te faz querer entende-los e até mesmo mergulhar em seu universo! É exatamente isso que Promíscuo Ser de Partitura Finita faz com o leitor.

Sinopse:
Duas vidas entrelaçadas por um mesmo propósito. Um carma que é passado por diferentes gerações unindo duas mulheres em épocas distintas. De um lado, está Maria Scarlet, uma prostituta de um passado distante que, após apanhar muito da vida, consegue se estabelecer como dona de um bordel. Com o tempo, o bordel ganha fama e se torna referência na pacata Holanda de 1750, derivando a qualidade de seu nome para a rua a qual o estabelecimento funcionava: “Red Street”, atualmente conhecida como “Red Light”. Do outro lado, está Anna Lara, uma mulher frágil e atormentada pelas lacunas do seu sombrio passado. Com o suporte de Maria Scarlet, Anna Lara cria defesas emocionais por meio da energia sexual que recebe de sua protetora e se torna participante ativa e assídua de toda forma de desvio sexual, ao lado de seu parceiro de vida, Jota Jr. Em um enredo psicológico completamente envolvente, Anna Lara esbarra nas lacunas sexuais escondidas nas partituras não terminadas de um universo promíscuo e misterioso.
 Promíscuo Ser de Partitura Finita, Cris Coelho
O livro

A estória gira em torno de Anna Lara, casada com Jota Jr. um empresário influente e com gostos nada convencionais, o casal é adepto de práticas sexuais atípicos dos relacionamentos monogâmicos, onde o sexo sem limites, promíscuo esta sempre presente em seu dia a dia, são adeptos de sexo grupal, orgias, troca de casais e relações homo e heterossexuais por ambas as partes, todas essas ações são consentidas dentro de um acordo pessoal dos dois.
Mas o enredo principal da trama é a relação de Anna Lara consigo mesma e com a tal ‘moça’, que descobrimos ser uma entidade, um espírito, Maria Scarlet, uma prostituta que viveu em 1750, e que desde a infância de Anna Lara esteve presente em sua vida, com uma influencia muito marcante, que por muito tempo Anna Lara não compreendia direito, até que um acontecimento trágico muda completamente a perspectiva de Anna Lara e esta se vê em um conflito interno atormentador.
E a partir desse acontecimento Anna se vê dividida entre o amor de sua vida Jota Jr, que também a ama, entretanto ele não consegue segurar seu desvio sexual e Anna descobre algumas de suas traições e que a faz se afastar dele.
Vejam bem, eles tem um acordo, acordo este, que tudo é permitido, contanto que os dois estejam de acordo e cientes. Todo tipo de relação sem o consentimento de um dos dois se caracteriza em traição, e isso que Jota faz.
Anna já abalada emocionalmente não consegue suportar e vai à busca de sua verdadeira essência e longe de Jota ela até encontra certa paz, com outra pessoa, Heidi, uma médica herdeira de uma fortuna e com ela entra em um relacionamento monogâmico e homossexual, mas seu passado esta sempre presente em seus pensamentos e em seus pesadelos...  
Nesse momento Anna começa procurar novamente dentro de si Maria Scarlet, que a orienta e Anna começa uma jornada em busca de sua história, de sua essência e de sua alma.                      
 Promíscuo Ser de Partitura Finita, Cris Coelho
Minha opinião
Conheci esse livro de forma bem  atípica, através de um comentário que a própria  Cris me respondeu, quando eu comentei um post do livro de outro parceiro aqui  do blog, eu havia comentado sobre parecer interessante o enredo do livro, entretanto não era o meu tipo de leitura favorita (livros de teor erótico/sexual).
E Cris me ofereceu a oportunidade de conhecer o livro por mim mesmo. E eu quebrei a cara!!! O livro fala sobre autoconhecimento, sobre escolhas e as consequências dessas escolhas, fala sobre vida, espiritualidade, fala sobre a alma! O teor sexual é apenas um gatilho para todo um drama psicológico que a protagonista vive.
Anna Lara me pareceu realmente uma mulher frágil, muitas vezes me pareceu uma pessoa carente, dependente  emocionalmente de alguém que a ame, apesar de ser uma mulher bonita, sexy e teoricamente influente ela não tem uma boa autoestima  e isso a faz se apoiar em outras pessoas, seja sentimentalmente ou financeiramente, esse ultimo, no que refere sua vida profissional, apesar de ela ser formada e ter tudo para se auto afirmar, ela não consegue, ora trabalha em uma das empresas do marido,  ora  trabalha no Museu da família de sua namorada.
Ou seja, Anna sempre se apoia, não consegue seguir por ela mesma, entretanto, isso pode não ser apenas culpa dela, mas a influencia de Maria Scarlet.
O livro é envolvente e questionador, aborta assuntos polêmicos, que pode ser incomodo para alguns leitores, como espiritismo, umbanda, homossexualidade e estilos de amores livres. Algumas cenas descritas são impactantes, e por vezes precisei parar a leitura para dar uma respirada.
No entanto, o leitor fica completamente imerso no mundo de Anna Lara, o sentimento de descoberta e de tentar entender o que esta acontecendo com Anna Lara é hipnótico e isso torna a leitura fluida  e rápida, apesar dos incômodos de algumas descrições.
Se ao terminar o livro você ficar com a sensação de ‘quero mais’ não tem problema, a autora mantem dois endereços online que nos trás diversas referencias a Maria Scarlet e sua vida, acessem: https://mariascarlet.com/ e
https://mariapoeta.com/          
Galera, por hoje é isso, até a próxima!
Promíscuo Ser de Partitura Finita, Cris Coelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

www.livroseoutrostrecos.com/