Estamos na Rede!

♥ ESPECIAL MÊS DOS NAMORADOS: PROJETO QUERIDO FUTURO NAMORADO #QFN ♥ LEIA AQUI!!

SORTEIOS ATIVOS

Hey pessoas, Tudo bem? Esse tópico é para divulgar os sorteios que estão rolando! Vocês podem encontrar todos no Instagram  Corre lá !  S...

domingo, 21 de maio de 2017

#07 A Rainha Vermelha, de Victoria Ayeyard


Hey pessoas! Tudo joia?
O Desenrolando o livro de hoje é sobre um livro muito polêmico que desperta amor ou ódio dos leitores!
Esse livro faz parte da leitura coletiva promovida pelo Céu Literário  e Entrelinhas e Parágrafos, que termina essa semana, vou contar uma coisa pra vocês, estou amando essas leituras coletivas, nelas podemos interagir muito melhor, em tempo real e estou adorando as experiências que tenho tido com elas.
Sobre a autora
A Rainha Vermelha é um livro de fantasia para jovens escrito pela autora americana              Victoria Aveyard, é o primeiro livro da saga na sequencia temos “A Espada de Vidro” e “A prisão do Rei”, além de alguns contos lançados entre um livro e outro que são voltados para a historia individual de alguns dos personagens dos livros.

          Victoria cresceu em Massachusetts e frequentou a Universidade do Sul da Califórnia, em Los Angeles. Formou-se como roteirista e tenta combinar seu amor por história, explosões e heroínas fortes na sua escrita.

Quer saber mais? Acesse o site da autora  ou de um pulo no site Guarda Escarlate, parece que anda meio paradinho mas achei incrível fazer o blog como se o universo do livro fosse realidade. Quer conhecer Norta? De um pulo lá!

Vermelhos como a Aurora! 

O Livro

Já vou avisando que eu adorei o livro, tendo em vista que não tenho referencias nenhuma de outras sagas que talvez sejam similares a série A Rainha Vermelha, apenas consegui associa-la aos desenhos e filmes de X-men!
https://www.instagram.com/livroseoutrostrecos/

O livro começa contando a história de Mare e o mundo em que vive, um universo onde o mundo é dividido em duas partes a partir de seu sangue.
Vermelho, que Mare faz parte, que são os  plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada ou o sangue prateado que é composta pelos nobres, ricos e bem sucedidos cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses.
Mare faz pequenos furtos para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora.
Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder, mesmo sendo vermelha tem um poder que até então apenas prateados possuíam.
 Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho? Isso a coloca em outra categoria e patamar, mais adiante Mare descobre que existem mais vermelhos iguais ela, e a partir disso que os seus problemas só começam!
Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe e Mare contra seu próprio coração.
Minha Opinião

Eu adorei o livro, em nenhum momento eu tive vontade de desistir, apesar de que algumas coisinhas me incomodaram como fugas mirabolantes que mesmo em um universo fantástico pode não ser tão fácil assim.

Tá certo que Mareena ou Mare, também conta com um pouquinho de sorte para sobreviver a tudo o que acontece e a leitura nos deixa presa a todo o momento.
Percebi uma grande crítica social muito nítida comparando vermelhos/prateados com ricos/pobres, o valor de riqueza é diferente em Norta, mas fica explícito a crítica que a autora coloca diante das diferenças sociais, assim como ideológicas e sociais.
Outra crítica é ao ‘sonhos inalcançáveis’, Mare, só conhecia o trabalho e a pobreza como vermelha, e apesar de odiar os prateados e  toda a superioridade da classe, ela queria ter aquilo e achava injusto tudo o que acontecia.
Porém quando ela se viu no palácio, junto aos nobres e toda aquela ‘vida perfeita’ ela percebeu que não é tão perfeita e pasmem, a vida de furtos que ela levada era muito mais feliz e satisfatória no pensamento dela.
Dentro dos próprios prateados também tinham subdivisões, mentiras e uma guerra silenciosa que o único proposito é ter cada vez mais FORÇA E PODER!
É isso galera, apesar de eu ter demorado para conhecer esse livrinho percebi que muita gente também não leu ainda, então essa é a hora de aproveitar hein, tendo em vista que há boatos que o livro vai virar um filme e poderemos ver Mare, Shade, Maven e Cal tomarem forma. Massa né?
Vamos torcer para superar as expectativas.

Beijocas e até a próxima!! 

Um comentário:

  1. Oi Bia,
    Eu tenho só o livro " A Espada de Vidro", vou ver se compro os outros dois e vou ler todos juntos.
    Adorei a sua resenha, ficou ótima.
    Beijos :*

    Literatura Por Amor
    Top Comentarista

    ResponderExcluir

www.livroseoutrostrecos.com/